Campanha de vacinação contra a febre aftosa vai até 31 de maio

Emdagro | | 08:59h

De acordo com o planejamento do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Sergipe poderá se tornar um estado livre da aftosa sem vacinação já em 2021.

Em 2018 o Estado de Sergipe entra no seu 23º ano sem a ocorrência da Febre Aftosa. E para manter esse status, criadores devem está atentos para o início da 1ª etapa da campanha de vacinação contra a doença, que acontece de 1º a 31 de maio. Ao todo, um milhão e duzentos mil animais, entre bovinos e bubalinos, deverão ser vacinados e suas declarações realizadas na Emdagro mais próxima.

A vacinação contra a doença é de fundamental importância para Sergipe e o país manterem o status de zona livre. Em 2001, o Estado obteve a Certificação Internacional pela OIE como zona livre da febre aftosa com vacinação. “A vacinação é de extrema importância, principalmente, nesse mês de maio porque a OIE vai declarar o Brasil livre da febre aftosa com a certificação dos Estados do Amazona, Amapá, Roraima e parte do Pará”, afirma a Diretora de Defesa Animal e Vegetal da Emdagro, Salete Dezen.

Segundo ela, “em paralelo a essa certificação, o país, através de um plano estratégico com zoneamento regionalizado, se prepara para 2023 se tornar zona livre da doença sem vacinação, após cumpridas  todas as metas do plano”, assevera a diretora.

Outra novidade, segundo Salete Dezen, é que, de acordo com o planejamento do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Sergipe poderá se tornar um estado livre da aftosa sem vacinação já em 2021. “Mas isso não significa dizer que até lá a vacinação não seja obrigatória”, reforçou.

E alerta: “Se não houver a declaração de vacinação do rebanho na Emdagro, o criador poderá ser multado e ficará impossibilitado de transitar e de comercializar seus animais, assim como, adquirir créditos junto às instituições bancárias por está inadimplente com a vacinação”.

 

Compartilhe


Mais Notícias


Comunidades quilombolas atendidas pelo Projeto Dom Távora estiveram reunidas para tratar de acesso às políticas públicas

Projeto Dom Távora | 23.05.18 | 10:19h

“Nossa meta é investir, até junho de 2018, o total de R$ 4.171.569,75 beneficiando 536 famílias quilombolas nas nove comunidades que apresentaram proposta ao Projeto Dom Távora”, disse o coordenador geral do projeto Delmo Naziazeno.

Seagri reúne comunidades quilombolas atendidas pelo Projeto Dom Távora

Projeto Dom Távora | 21.05.18 | 20:12h

O evento tem como público prioritário os representantes de comunidades quilombolas beneficiadas pelo Dom Távora.

Em Brasília, Belivaldo busca recursos para finalizar Terminal Pesqueiro

Pesca | 18.05.18 | 10:55h

Em Brasília, Belivaldo busca recursos para finalizar Terminal Pesqueiro A obra beneficiará mais de 12 mil pescadores de 27 colônias sergipanas

Seagri e Fapitec coordenam elaboração de plano sustentável para a carcinicultura em Sergipe

Pesca | 16.05.18 | 23:07h

Estima-se que existam no Baixo São Francisco, entre Brejo Grande e Pacatuba, em torno de 1.500 hectares de lâmina de água produzindo camarão em viveiros.

Belivaldo assina resolução que facilita licenciamento de queijarias

Pecuária | 16.05.18 | 11:02h

A Licença Ambiental Simplificada abrange apenas as queijarias que processam até 2.000 litros de leite/dia, com até 250 m² e que tenham o soro aproveitado para a alimentação animal ou em produtos derivados

Governo inicia distribuição de sementes em Carira

Agricultura | 16.05.18 | 10:03h

O governo do Estado deu início à distribuição de sementes selecionadas de milho a produtores da Agricultura familiar