Caprinocultura

Pecuária-Caprinocultura

A maior concentração de rebanhos de caprinos está localizada nas microrregiões homogêneas sergipana do sertão do São Francisco, Agreste de Lagarto e sertão do rio Real. No conjunto essas regiões abrigam algo em torno de 75% do rebanho sergipano.

Padrão tecnológico:
As condições de solo e clima prevalecentes na região oeste do estado, onde se situa o semi-árido, são propícias para a exploração da caprinocultura. Apesar dessa pré-condição, a criação de caprinos tem pouca expressão em Sergipe. O sistema de produção é extensivo, com a criação de animais sem raça e especialização definidas e com baixos rendimento e rentabilidade.

A exploração comercial e empresarial da atividade no estado é praticamente inexistente. Levando-se em consideração as condições satisfatórias para a cultura encontradas em Sergipe, principalmente na região do semi-árido, pode-se concluir que a criação de caprinos apresenta potencial para expansão e desenvolvimento. 

Como exemplo, pode-se mencionar projeto implementado pela Emdagro, para desenvolvimento da caprinocultura leiteira no município de Poço Verde. Dentro do referido projeto, foram incentivados a associação de pequenos produtores e o beneficiamento do leite de cabra produzido, gerando produção de queijos e doces, entre outros. Devido ao sucesso da experiência em Poço Verde, existem planos para expansão da atividade a outros municípios.

Compartilhe